O deputado estadual Eduardo do Dertins (PPS) apresentou nesta quarta-feira, 5, ementa que destina R$ 32 milhões para a construção do anel viário de Colinas do Tocantins, a 272 KM de Palmas.

A obra vai favorecer o potencial econômico do município para exportações e como cidade pólo da região, e atende a um anseio antigo da população colinense, que enfrenta muitos transtornos com a intensa movimentação de caminhões no perímetro urbano do município.

A proposta do deputado para o anel viário de Colinas considera a alocação de recursos previstos no projeto de lei do Executivo que prevê obras em todo o Estado a partir de contrato de empréstimo de R$ 453 milhões com a Caixa Econômica Federal (CEF).

O referido projeto de lei está, atualmente, na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ), onde Eduardo do Dertins apresentou a ementa. “A proposta para Colinas, que eu chamo de orla de desenvolvimento, é dentro de um projeto de lei que começa a tramitar na CCJ, por isso a importância de apresentá-la no início da tramitação. Acredito que os parlamentares vão abraçar essa ideia que traz a Colinas o pleno desenvolvimento”, disse.

Desenvolvimento

O anel viário vai ligar as rodovias TO-335 e BR-153 em um projeto de desenvolvimento integrado para Colinas e os municípios do entorno. O grande fluxo de cargas no município e o interesse econômico de Colinas são beneficiados com a proposta do deputado. “Eu trato o anel viário de Colinas como orla de desenvolvimento porque a ideia é que no entorno dessa obra estejam espaços que possam abrigar serviços, como empreendimentos e lojas de peças, por exemplo. Não é apenas um anel viário. É uma rota de desenvolvimento”, destacou o parlamentar. (Dicom/AL, com informações da assessoria de imprensa do deputado)