O deputado Paulo Mourão (PT) usou a tribuna nesta quarta-feira, dia 8, para cobrar do Governo do Estado ações de preservação de rios e demais mananciais em todo o Estado do Tocantins. Seu alerta teve como base a matéria “Rios do Tocantins estão sendo saqueados”, publicada no Jornal do Tocantins na última edição de domingo, dia 6.

Mourão alertou que é gravíssima a perda de recursos naturais no Estado, devido ao descaso do governo para com o meio ambiente. “É uma área com carência de planejamento e gestão estratégica. Já está passando da hora de implantar medidas emergenciais a curto, médio e longo prazos, pois temos um Estado rico em recursos naturais que poderiam, de forma sustentável, gerar mais desenvolvimento e empregos ao cidadão tocantinense”, afirmou.

Conforme a matéria do Jornal do Tocantins, de autoria do biólogo e doutor em Ecologia da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Renato Torres Pinheiro, a área que envolve os rios Formoso e Javaés é preocupante, “pois as combinações do uso da água para irrigação e as alterações climáticas, sentidas na região com a diminuição das chuvas e o prolongamento da estiagem, fazem com que as projeções sejam pessimistas”.

Mourão acrescentou que, segundo a Agência Nacional de Água (ANA), a situação da demanda de água no rio Formoso foi avaliada como crítica, justamente em função do crescimento das atividades de irrigação nos últimos anos. O quadro tem afetado de forma negativa a navegação, a pesca e a sobrevivência de animais aquáticos e terrestres. (Penaforte).