Maior emenda da história: 1.000 pacientes já foram atendidos pelo Saúde Metropolitana de Mantoan

Por Munyque Fernandes
28/06/2024 14h16 - Publicado há 19 dias
Cerca de 7 mil tocantinenses devem ser beneficiados pelo programa, em 2024
Cerca de 7 mil tocantinenses devem ser beneficiados pelo programa, em 2024
Mirdad / HD

 Lançado há apenas 20 dias, o programa Saúde Metropolitana vem gerando uma grande mobilização no Tocantins. Depois do sucesso do primeiro mutirão, o deputado estadual, Eduardo Mantoan (PSDB), promove o segundo neste sábado (29), em parceria com a Prefeitura de Palmas. “Fui surpreendido positivamente com esta enorme repercussão com direito a agradecimentos dos pacientes e de seus familiares, novos pedidos de inserção de cidades nas próximas fases do programa, além das atenções voltadas para o funcionamento da Região Metropolitana de Palmas, algo que defendo há mais de dois anos, inclusive com proposituras apresentadas na Assembleia Legislativa do Tocantins. Estamos de fato “conectando cidades e transformando vidas”, como diz o próprio slogan do Saúde Metropolitana”, comemorou Mantoan.

Amanhã, os atendimentos serão realizados das 8h às 18h, no Amas - Ambulatório de Atenção à Saúde Dr Eduardo Medrado, em Palmas, onde novamente mais 500 pacientes estão agendados, entre eles moradores da capital e de parte dos outros 37 municípios do interior.

Neste segundo mutirão, os pacientes estão vindo das seguintes cidades: São Valério, Araguacema, Novo Acordo, Divinópolis, Santa Tereza do Tocantins, ⁠Marianópolis, Paraíso do Tocantins, Miranorte,  ⁠Rio Sono, Santa Maria do Tocantins, Brejinho de Nazaré,  ⁠Chapada de Natividade, ⁠Silvanópolis, ⁠Lajeado, Pindorama, Dois Irmãos, Lizarda, Lagoa do Tocantins e Ipueiras.

Estes cerca de 1.000 atendimentos em somente dois mutirões estão sendo possíveis graças à destinação da emenda parlamentar do deputado Mantoan de R$ 2 milhões para a Secretaria Municipal de Saúde de Palmas, permitindo que exames e consultas de média e alta complexidades fossem realizadas na capital. Esta é a maior emenda do legislativo estadual para a saúde de Palmas, que é referência para 127 municípios.

Outro diferencial do Saúde Metropolitana é a abrangência, não limitando os procedimentos a somente uma especialidade médica e ampliando o número de pessoas assistidas. A expectativa da Secretaria Municipal de Saúde de Palmas, responsável pelo gerenciamento do programa, é atender cerca de 7 mil pessoas só este ano. 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...
MAIS NOTÍCIAS