AGORA É LEI: Peixe Panga pode ser produzido em todo o território tocantinense

Por Weslene Rocha
21/09/2021 16h17 - Publicado há 26 dias
Famoso pela carne nobre e fácil cultivo, o peixe é rústico e não possui escamas.
Famoso pela carne nobre e fácil cultivo, o peixe é rústico e não possui escamas.
ALETO / HD

Agora é liberada pela Lei n° 3825/2021 no estado do Tocantins a criação em cativeiro do peixe Pangassius Hipophtalmus, conhecido popularmente como Panga. O projeto é de autoria do Deputado Jorge Frederico (MDB). 

Famoso pela carne nobre e fácil cultivo, o peixe é rústico e não possui escamas e tem apenas a espinha dorsal. 

Com uma grande similaridade com a carne da Tilápia, espécie que também foi introduzida no Tocantins, o peixe terá fácil aceitação no cardápio do povo tocantinense, contando também com um preço mais acessível. 

O clima tocantinense é extremamente favorável a criação do Peixe Panga, e por isso seu cultivo além de permitido, sendo também encorajado, vai possibilitar a chegada de benefícios econômicos e alimentares aos cidadãos do Tocantins.

Além de inofensivo ao meio ambiente do Tocantins, Jorge Frederico lembrou que o clima tocantinense é extremamente favorável a criação do Peixe Panga. 

“Fico muito feliz pois essa liberação vai propiciar a geração de emprego e renda no Tocantins. O Brasil gasta anualmente cerca de 140 milhões de dólares com a importação dessa espécie. Nós temos potencial para cultivo no Tocantins, além de que o comércio estadual vai ser valorizado, aumentando o potencial econômico do Estado e do país”, disse o parlamentar.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...
MAIS NOTÍCIAS